domingo, 29 de janeiro de 2012



Tua loucura, me trouxe a lucidez
Tua boca, ventilou o ar que me faltava aos pulmões
Teu calor, me aqueceu
Tua jovialidade, me tornou maduro
Tua maturidade, me deu segurança
Teu sorriso, semeou em mim a felicidade
Teu silêncio, foi mais expressivo do que qualquer prolixidade
Teu corpo, junto ao meu, pulsando ao mesmo ritmo de nossos corações, fez com que m
eu sangue ebulisse em minhas veias e artérias
As lágrimas, que em tua face deslizaram, me mostraram o que é a dor!
O brilho em teus olhos, me ensinou o que é ser amado!

Humberto Santos